o espaço das minhas coisas

Terça, 22 de Outubro Notícias por Edson Fernandes

Iate já formatou seu reveillon

Terça, 22 de Outubro Variedades por Paiva Netto

Reflexão - A Divina Eficiência

Anunciada em 1953, pelo saudoso Proclamador da Religião de Deus, do Cristo e do Espírito Santo, Alziro Zarur (1914-1979), temos levado adiante a Revolução Mundial dos Espíritos de Luz (e aqui abro parêntese para dizer que até a poderíamos chamar de Revolução Social dos Espíritos de Deus) porque sabemos e repetimos que o governo da Terra começa no Céu. Das Alturas, descem até aos seres humanos as Instruções Divinas, que se vão corporificando conforme a capacidade que cada um tem de entendê-las e vivê-las, sendo esse UM indivíduo, povo ou nação. Daí o ensinamento de Jesus neste resumo: todos seremos justificados em consonância com o Bem ou com o mal que realizarmos.

Vejam o Evangelho do Cristo, segundo Mateus, 16:27; o Apocalipse de Jesus, 22:12; e o livro de Jó, 34:11: “A cada um será dado de acordo com as próprias obras”.

Sem esse conceito da Justiça de Deus, é impossível a existência de uma sociedade equitativa, portanto civilizada. O contrário é o reino da impunidade.

Em seu artigo “Faculdade do Recife”, o notável “Águia de Haia”, Rui Barbosa (1849-1923), inquiriu: “De que valem leis, onde falta nos homens o sentimento da justiça?”

E, em outro momento, na sua “Oração aos moços” — Discurso de paraninfo que ele dedicou aos formandos de 1920 da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, em São Paulo/SP —, ponderou: “(...) se a sociedade não pode igualar os que a natureza criou desiguais, cada um, nos limites da sua energia moral, pode reagir sobre as desigualdades nativas, pela educação, atividade e perseverança. Tal a missão do trabalho”.

O poder dos Amigos Invisíveis de intervir nos feitos humanos — de forma a incentivar transformações admiráveis, a ponto de parecerem milagrosas — é marcante. A História está repleta de exemplos. Podemos observar a atuação espiritual na “impossível” conquista de Jericó, por Josué (Livro de Josué, 5:13 a 15 e 6:1 a 27), ou mesmo quando o exército “invisível” aparece a Eliseu (Segundo Livro de Reis, 6:8 a 18), ao encontrar-se cercado pelo rei da Síria.

Na área da saúde, os relatos de curas em situações improváveis surpreendem a comunidade científica. Allan Kardec, na Revue Spirite de novembro de 1867, ao discorrer sobre “Médium Curador”, explicou: “(...) Os fenômenos que pertencem à ordem dos fatos espirituais não são mais miraculosos do que os fatos materiais, uma vez que o elemento espiritual é uma das forças da Natureza, do mesmo modo que o elemento material (...)”.

Ora, se pode a Medicina de Deus, por intermédio de sensitivos especiais, restabelecer corpos humanos doentes, por que não estará habilitada a dar fim às enfermidades sociais e políticas que martirizam os povos? Eis em franca atuação, por força de nossa permanente Aliança com o Alto, a Política de Deus: a Política para o Espírito Eterno do ser humano.

Por crermos no Poder Divino de salvação, constantemente suplicamos a Jesus, em nossas preces, que cure o Brasil e a Humanidade.

O Profeta Samuel, em seu primeiro livro, 7:12, no Antigo Testamento da Bíblia Sagrada, confortou o seu povo dizendo: “Até aqui nos trouxe Deus”.

E nós costumamos dizer que o Pai Celestial fortemente nos conduzirá avante pela estrada da existência, que é eterna!

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor.

paivanetto@lbv.org.br 

Terça, 22 de Outubro Variedades por Fco Evangelista

Reflexão de Francisco Evangelista

Bom dia!

Tenha uma abençoada terça-feira!

Paz profunda

 REFLEXÃO MATUTINA: "Todos nós temos erros, porém Deus nos atura. Não podemos tolerar uns aos outros?⁣ ⁣ Temos que procurar nos modificar, escavar a lama da imperfeição e ignorância que cobre a nossa luminosa alma dourada — mas temos que ser muito, muito tolerantes com os erros dos outros.⁣ ⁣ Não devemos sentir que temos que ir corrigindo todo mundo — “porque estou praticando yoga, então sei o que é melhor”. Isto é o que chamamos de egoísmo espiritual.⁣ ⁣ A melhor maneira de influenciar os outros é pelos nossos corações compreensivos, a nossa gentileza, a nossa compaixão e o nosso amor".⁣ ⁣

Sri Daya Mata, discípula direta de Yogananda, no livro *SÓ O AMOR:*

Terça, 22 de Outubro Bafafá por Ricardo Rosado

Olha que maravilha

Terça, 22 de Outubro Notícias por Ideia Comunicação

Morada da Paz lança nova floricultura online

Novo site apresenta visual renovado e é mais leve

O Morada da Paz, marca pertencente ao Grupo Vila, reformulou a página da Floricultura, pela qual disponibiliza os serviços de entrega de arranjos de flores em velórios. Acessível pelo endereço eletrônico floricultura.moradadapaz.com.br, o site apresenta visual renovado e é mais leve, pois todo o sistema foi atualizado. A mudança está disponível a partir deste mês de outubro.

De acordo com Eliza Fonseca, gerente de marketing do Grupo Vila, a mudança visa melhorar o atendimento aos clientes. “O site tem novas fotos dos produtos, que contam agora com parâmetros de comparação de imagem, além da atualização do catálogo das coroas e ramalhetes, tudo isso para proporcionar uma experiência melhor para os clientes que queiram homenagear os entes queridos de qualquer lugar do Brasil”, explica.

 

O processo na Floricultura Morada da Paz é simples, como detalha o analista front-end, Manoel Lucas. “Os clientes poderão comprar coroas de flores, arranjos ou ramalhetes para falecidos atendidos pelas marcas do Grupo Vila, que estão sendo velados em Natal e Região Metropolitana, seja em uma de nossas unidades ou não. É possível solicitar essas homenagens online até a finalização do velório”.

Terça, 22 de Outubro Bafafá por Contexto Comunicação

San Paolo Gelato vende gelato a R$ 1 em inauguração oficial

Toda a venda arrecadada no dia será destinada à uma instituição beneficente

Conhecida pelos sabores inconfundíveis, cremosidade dos produtos e preparo diferenciado, a San Paolo Gelato, famosa gelateria cearense,  inaugura oficialmente a sua primeira unidade em Natal, nesta quinta-feira (24), na Alameda Gourmet do Natal Shopping. No primeiro dia de funcionamento, todos os sabores de gelato são vendidos a R$ 1 e a verba arrecadada será destinada a uma instituição beneficente, na cidade a escolhida é o Lar da Vovozinha.

A unidade chega com o novo conceito da marca, focado em oferecer uma experiência diferenciada ao cliente, além de um ambiente mais agradável e acolhedor. “O foco sempre é na experiência de consumo. Todos os aspectos da nossa marca são exaustivamente bem pensados para termos um momento de consumo marcante. Não vendemos gelatos, vendemos momentos felizes”, conta Renata Aguiar, sócia-fundadora da rede.
Premiada em 2018 pelo Guia Comer & Beber, da Veja, a marca aposta em produtos verdadeiramente feitos à mão com ingredientes escolhidos minuciosamente. São 28 sabores diferentes de gelatos, sendo dois regionais, e mais de 40 opções de ingr edientes para criar deliciosas combinações. A rede também cria sabores novos mensalmente, que ficam no cardápio pelo período de um mês, e ainda oferece opções de sobremesas e uma linha de cafés especiais criados a partir de um blend exclusivo para a marca.

Terça, 22 de Outubro Bafafá por Flávio Rezende

Marcos ÁLIMA na Escola de Música da UFRN